Este tutorial foi escrito há quatro anos. Desde então foram lançadas novas versões dos programas mencionados e alguns comandos aqui listados podem ter se tornado obsoletos. Prefira as versões mais recentes e proceda com cautela.

Este post inicia uma série de quatro tutoriais que juntos formam um guia que permitirá que ao seu fim se tenha um desktop Ubuntu 12.04 estável e rápido, com XFCE como ambiente gráfico padrão e todos os programas necessários para um usuário normal possa usufruir do sistema.

Este guia consiste nas seguintes partes:

Se você não conhece o Ubuntu, se informe mais sobre este incrível sistema operacional aqui.

Lembre-se que este é um tutorial com fins meramente informativos sem nenhuma garantia.

Preparando a instalação

Antes de começar verifique se o seu computador atende os requisitos mínimos do sistema:

  • Processador de 1,6Ghz ou superior
  • Memória RAM de 1GB ou mais (2GB para 64Bits)
  • Espaço livre em no HD: 15GB ou mais

O Ubuntu pode ser baixado gratuitamente apartir do site oficial. Baixe a versão desktop do Ubuntu 12.04.

Não baixe a 12.10, que apesar de ser mais recente não é estável e rápida como a 12.04, que inclusive terá suporte até abril de 2017. Antes do download será apresentada uma página de doações, mas esta é opcional, sendo o Ubuntu totalmente gratuito.

Também é possível baixar uma versão do Ubuntu com o XFCE já instalado, o Xubuntu. Entretanto não recomendo seguir esse caminho já que você gastará muito tempo para instalar programas presentes no Ubuntu, mas ausentes no Xubuntu por padrão, como o LibreOffice, por exemplo.

Após baixar o Ubuntu é necessário gravá-lo em um CD (ou DVD) ou pendrive. Para gravar em um pendrive basta usar o programa UNetBootin.

Após concluída a gravação do CD (ou DVD) ou do pendrive, faça um backup dos arquivos importantes do seu sistema operacional antigo.

Caso o Ubuntu for ser instalado em dual-boot com o Windows use o Desfragmentador de Disco para desfragmentar o HD.

Instalando o Ubuntu

Insira o CD ou pendrive com o Ubuntu em seu computador e o reinicie. Ao reiniciar acesse o menu de configurações da BIOS e selecione o pendrive ou CD como primeira opção de boot.

Caso você não saiba como fazer isso leia o manual de sua placa-mãe. Ao concluir as configurações, salve as alterações, o computador irá reiniciar.

Aguarde até que uma mensagem de boas vindas seja exibida.

Selecione o “Português do Brasil” como idioma e clique em “Instalar o Ubuntu”.

Na tela exibida desmarque as opções “Baixar atualizações enquanto instala” e “Instalar esse programa de terceiro”. Clique em “Continuar”

Na tela “Tipo de Instalação” você pode escolher entre substituir o sistema operacional antigo ou mantê-lo ao lado do Ubuntu.

Se você escolher substituir o seu sistema antigo lembre-se de que todos os seus arquivos que não tem backup serão perdidos permanentemente, assim como emails, programas e afins.

Caso você pretenda manter o seu sistema antigo faça a instação lado-a-lado. Na tela seguinte você poderá escolher o tamanho da partição de cada sistema.

Somente escolha a “Opção avançado” se você tiver experiência com sistemas Linux e souber extamente o que você está fazendo.

Após fazer a sua escolha clique em “Instalar agora”.

Você ainda terá que escolher o seu fuso-horário e o tipo de teclado. Antes de avançar nesta opção teste os caracteres especiais e acentos de seu teclado.

Na tela seguinte serão solicitadas algumas informações, como seu nome, o nome que deseja dar ao computador (um será sugerido automaticamente) e sua senha. Certifique-se que esta senha seja segura e fácil de lembrar, já que não é possível recuperá-la.

Ainda é possível escolher se você deseja iniciar o sessão automaticamente ou solicitando a senha antes. Caso outra pessoa for usar o Ubuntu, marque a opção “Solicitar minha senha para entrar”.

Também marque essa opção, além de “Criptografar minha pasta pessoal” se o Ubuntu estiver sendo instalado em um notebook, o que dará uma proteção maior aos seus documentos.

Finalizando a instalação

Agora basta aguardar o fim da instalação. Quando a mesma terminar basta clicar em “Reiniciar agora” e na tela com uma lista de sistemas que parecerá após ligar o computador, com as setas do teclado selecione “Ubuntu, com Linux 3.2.x”, isso caso o Ubuntu esteja em instalado ao lado de outro sistema, caso contrário o Ubuntu iniciará automaticamente.

Considerações finais

Agora você já tem o Ubuntu instalado em seu computador, você já pode usufruir dele a vontade. Se precisar de algum software específico, basta usar a Central de Programas. Na parte 2 vamos configurar o sistema para um melhor desempenho e instalar um interface mais leve.